Pense mobile antes de fazer seu site.

Uma piada que se ouve em encontros de tecnologia é qual o lugar perfeito para se esconder um corpo. A resposta é: na segunda página do Google, porque ninguém vai lá.

Recentemente o Google alterou seu algoritmo favorecendo sites adaptados para dispositivos mobile e emitiu um comunicado que explica: “Os usuários poderão, de maneira mais fácil, encontrar resultados relevantes e de alta qualidade que são otimizados para seus aparelhos”. Isso acontece porque o número de pessoas que acessam internet via mobile já ultrapassou o acesso por computadores e laptops.
Se seu site não funciona em mobile você simplesmente vai desaparecer na net. O Google inclusive criou uma ferramenta para que você verifique como está a situação de seu website: Clique aqui .

Um site responsivo não é uma cópia pequena de um site para desktop. Os menus têm de ser adaptados para tornar agradável a navegação. Se você tem que ampliar a tela para conseguir ler algo, também já está errado. O visitante de um site mobile não tem tempo para detalhes inúteis, por isso algumas coisas que funcionam em um desktop devem ser deixadas de lado.

Sempre que for mudar o layout do site, antes de ver como ele ficará em uma tela de desktop, peça para ver como ele ficará no celular. Se você não tiver uma boa experiência, troque de template imediatamente.

Mas, lembre-se: apenas ter um site responsivo não garante um ranqueamento excelente, pois isto depende de uma série de fatores. Porém, se você não tiver um site mobile certamente terá muitas dificuldades. Então, faça seu site com quem entende do assunto e está sempre antenado em novidades.

No Comments Yet.

Leave a comment